O ataque japonês a Pearl Harbor em 45 fotografias

Em 7 de dezembro de 1941, a Marinha Imperial Japonesa lançou um ataque surpresa contra os Estados Unidos, bombardeando navios de guerra e outros alvos militares em Pearl Harbor, no Havaí. Mais de 350 aviões japoneses atacaram a base naval em duas ondas, metralhando alvos estratégicos, lançando bombas perfurantes e torpedos contra encouraçados e destroieres americanos. As forças dos Estados Unidos não estavam preparadas, acordando ao som das explosões e lutando apenas para se defender. Todo o ataque preventivo durou somente 90 minutos, e nesse tempo, os japoneses afundaram quatro encouraçados e dois destróieres, destruíram 188 aeronaves e danificaram  outros tantos edifícios, navios e aviões. Cerca de 2.400 americanos foram mortos no ataque, outros 1.250 ficaram feridos. Após o ataque, o Japão declarou oficialmente guerra contra os Estados Unidos. No dia seguinte, o presidente Roosevelt fez seu famoso discurso:  "Infâmia" e assinou uma declaração formal de guerra contra o Império do Japão. Poucos dias depois, a Alemanha nazista e a Itália também declararam guerra aos Estados Unidos.

s_w01_20607072
O destroier USS Shaw explode após ser atingido por bombas durante o ataque surpresa do Japão a Pearl Harbor, no Havaí, no dia 7 de dezembro de 1941.


s_w02_05040117
Pilotos japoneses recebem instruções a bordo de um porta-aviões antes do ataque a Pearl Harbor, essa cena é de um noticiário, ela foi obtida pelo Departamento de Guerra dos EUA e liberada para noticiários americanos.


s_w03_0zuikaku
O porta-aviões japonês Zuikaku, visto em setembro de 1941. O Zuikaku logo navegaria em direção ao Havaí, ele era um dos seis porta-aviões usados pela ​​Marinha Imperial Japonesa no ataque a Pearl Harbour.


s_w04_000akagi

Aviões japoneses se preparam para atacar Pearl Harbour a partir do porta-aviões Akagi, em 7 de dezembro de 1941.


s_w05_12070265
Essa fotografia, obtida de um filme japonês mais tarde apreendido pelas forças americanas, foi tirada a bordo do porta-aviões japonês Zuikaku, no momento em que o bombardeiro torpedeiro Nakajima B-5N era lançado para fora do convés para atacar Pearl Harbor, no Havaí, em 7 de dezembro de 1941.


s_w06_00012382
Vista aérea das primeira bombas a cair sobre os navios americanos, vistas a partir de um avião japonês sobre Pearl Harbor.


s_w07_28-1271M
Outra fotografia japonesa  apreendida pelos americanos, ela foi tomada durante o ataque a Pearl Harbor, em 7 de dezembro de 1941. Ao longe, a fumaça sobe de Hickam Field.


s_w08_0hickham
Visto de longe, o encouraçado Arizona queima e se afunda  em Pearl Harbor, após ser atingido por bombardeiros japoneses em 7 de dezembro de 1941.


s_w09_12116312
Esse bombardeiro japonês foi fotografado por um fotógrafo da Marinha dos Estados Unidos, quando  se aproximava do seu alvo em Pearl Harbour, em 7 de dezembro de 1941.


s_w10_00028372
Aviões japoneses podem ser vistos acima de Pearl Harbor (centro e topo superior direito) nesta fotografia japonesa tomada durante os momentos iniciais do ataque à base americana.


s_w11_21207018
Navios americanos queimam durante o ataque japonês a Pearl Harbor, no Havaí, em 7 de dezembro de 1941.


s_w12_wa000000
A visão de uma grande angular do céu acima de Pearl Harbor, no Havaí, cheio de fumaça e fogo anti-aéreo, em 7 de dezembro de 1941.


s_w13_20701517

Duas esposas de oficiais americanos, ao saírem das casas por causa das explosões, ouvem a vizinha Mary Naiden, uma recepcionista do exército que tirou essa foto, gritar: "Vejo círculos vermelhos nos aviões. Eles são japoneses!" Percebendo que a guerra havia chegado, as duas mulheres  se retiram para os abrigos.


s_w14_3c29812u

Fotografia aérea, tomada por um piloto japonês, do ataque a Pearl Harbor; um bombardeiro japonês pode ser visto no plano inferior direito.


s_w15_20606652

Marinheiros americanos entre aviões destruídos na Estação Aérea Naval Ford. Ao fundo, pode-se ver a explosão do USS Shaw.


s_w16_20-1399M

A bandeira americana balança na popa do encouraçado  USS West Virginia, afundado no ataque japonês a Pearl Harbor, em 7 de dezembro de 1941.


s_w17_00045041

Um A6M-2 Zero, a bordo do porta-aviões  Akagi, da Marinha Imperial Japonesa, durante  a  missão de ataque a Pearl Harbor.


s_w18_20-1407M

O contratorpedeiro USS Shaw queima em Pearl Harbor. Bombardeiros japoneses atingiram a parte da frente do navio com três bombas. Os incêndios resultantes ficaram incontroláveis.


s_w19_07-3003M

O encouraçado USS Califórnia afunda na lama de Pearl Harbor em 7 de dezembro de 1941.


s_w20_12070117

Um pequeno barco salva um membro da tripulação do encouraçado USS West Virginia da água, após o bombardeio japonês a Pearl Harbor, no Havaí, em 7 de dezembro de 1941. Dois homens podem ser vistos na superestrutura, o centro da parte superior.


s_w21_3513BB39

O paiol do encouraçado USS Arizona explode, depois de ter sido atingido por uma bomba japonesa.


s_w22_05040109

Aviões japoneses sobre o Havaí durante o ataque a Pearl Harbor são mostrados nesta cena de um noticiário japonês. O filme foi apreendido pelo Departamento de Guerra dos Estados Unidos e, posteriormente, liberado para os noticiários dos americanos.


s_w23_00039322

Marinheiros na base americana tentam salvar um Catalina PBY das chamas, no rescaldo do ataque japonês a Pearl Harbor.


s_w24_00039438

O encouraçados West Virginia e Tennessee queimam após o ataque japonês a Pearl Harbor, em 7 de dezembro de 1941.


s_w25_20-1409M

O óleo queima nas águas de Pearl Harbor, perto da estação aérea naval, após o ataque japonês a Pearl Harbor em 7 de dezembro de 1941.


s_w26_07-3018M

O encouraçado USS Maryland, um navio de guerra americano ancorado ao lado do USS Oklahoma, que naufragou, foi ligeiramente danificado no ataque japonês a Pearl Harbor em 7 de dezembro de 1941.


s_w27_00000001

Um marinheiro morto pelo ataque aéreo japonês, fotografado em 7 de dezembro de 1941.


s_w28_12070173

O navio de guerra USS Arizona envolto em fumaça ao tombar no mar durante o ataque surpresa japonês a Pearl Harbor, no Havaí.


s_w29_10707016

Repórteres na Casa Branca correm para os telefones em 7 de dezembro de 1941, depois de terem sido informados pelo assessor de imprensa do presidente Roosevelt, que  submarinos e aviões  japoneses tinham  acabado de atacar a frota americana no Pacífico.


s_w30_20701223

Um vendedor de jornais em 7 de dezembro de 1941 na Times Square, em Nova York, anunciando que o Japão atacara a base norte-americana no Pacífico.


s_w31_12081510

Declarando o Japão culpado de um ataque covarde sem ter sido provocado, o presidente americano, Franklin D. Roosevelt pede ao Congresso para declarar guerra ao Império Japonês, no dia 8 de dezembro de 1941.


s_w32_11208045

O Presidente Roosevelt assina a declaração de guerra após o ataque japonês a Pearl Harbor, na Casa Branca, em Washington, DC, no dia 8 de dezembro de 1941.


s_w33_03022619

Jovens japoneses americanos, incluindo vários recrutas do Exército, se reúnem em torno do carro de um repórter na parte japonesa de São Francisco, no dia 8 de dezembro de 1941.


s_w34_20-1412M

O lança-minas USS Oglala emborca após ser atacado por aviões  e submarinos japoneses no ataque a Pearl Harbor.


s_w35_20701116

Os destroieres USS Downes e USS Cassin, estacionados em Pearl Harbor, sofreram danos pesados no ataque japonês.


s_w36_00hanger

O interior de um hangar de aviões totalmente destruído em Wheeler Field, no Havaí, foto tirada em 11 de dezembro de 1941.


s_w37_20701508

Nessa foto fornecida pela Marinha dos EUA, a oito quilômetros de Pearl Harbor, estilhaços de uma bomba japonês atingiram em cheio o carro, matando três civis no ataque de 7 de dezembro de 1941. Duas das vítimas podem ser vistas no banco da frente. A Marinha Americana informou que não havia alvo militar nas proximidades.


s_w38_234P-005

Destroços do primeiro avião japonês abatido durante o ataque a Pearl Harbor em 7 de dezembro de 1941.


s_w39_0000jsub

Um mini-submarino japonês, parte da força de ataque a Pearl Harbor, encalhado em Bellows Field.


s_w40_12070430

Um marinheiro americano olha para o cadáver carbonizado de um aviador japonês, içado do cais da base de Pearl Harbor, onde ele havia batido com seu avião em chamas.


s_w41_12070372

Uma pequena multidão inspeciona os danos, tanto dentro como fora, depois de uma bomba japonesa atingir uma residência, durante o ataque aéreo japonês em 7 de dezembro de 1941.


s_w42_20701349

Homens não identificados do consulado japonês queimam papéis, livros e outros registros, logo após o Japão entrar em guerra contra os EUA, em 7 de dezembro de 1941, em Nova Orleans, Louisiana. Mais tarde, a polícia apagou o fogo, contudo, a maioria dos papéis já havia sido destruída.


s_w43_12090156

Este homem japonês não identificado se vira para um visitante no consulado japonês em Chicago, em 9 de dezembro de 1941. Vestido apenas com roupas íntimas, ele se assustou, enquanto  tirava documentos e arquivos de um armário. Os documentos confidenciais no consulado já tinham sido queimados.


s_w44_00000002

Seguindo a tradição havaiana, marinheiros honram os homens mortos durante  o ataque japonês. As vítimas foram enterradas no dia 8 de dezembro. Essa cerimônia teve lugar em algum momento durante os meses seguintes.


s_w45_00039436

Vista aérea mostrando as águas com listras de óleo e as docas vazias na Base Naval de Pearl Harbor, no Havaí, após o ataque japonês, fotografia de 10 de dezembro de 1941.



A História da Segunda Guerra Mundial em Fotos,  será uma série  de 21 postagens com mais de 800 fotografias distribuídas em  temas seguindo a cronologia do conflito. Se você gosta de história, em particular da história da Segunda Guerra Mundial, aconselho  que assine a nossa Newsletter ou curta nossa página no Facebook, para  não perder nenhum episódio. O próximo terá como tema: Os americanos se mobilizam para a guerra.  Não perca!

0 comments:

Post a Comment